sábado, agosto 05, 2006

Afinal há malta a ler o que aqui se escreve?

Falo ao telefone com pessoas que sabem algumas coisas da minha vida e dou comigo a perguntar-me: "como é que eles sabem?" Depois lembro-me que escrevo nestas páginas algumas coisas sobre mim. Isto só quer dizer que há por aí malta que lê o que se escreve, mas não tem vontade de dizer que lê. Vergonha? Falta de vontade? Escrevam olá! Ou escrevam a dizer mal, escrevam qualquer coisa porque eu não sei meter um counter nesta merda e gostava de saber quantos andam aí! A vida às vezes não tem grande sentido. Chego a esta conclusão quando me dizem que sabem que estou vivo porque continuo a conseguir cometer essa proeza de encadear letras em aplavras, dar-lhes alguma ordem e transmiti-la pelos braços até os dedos baterem nas teclas certas...isto não é fácil, por isso compreendo o vosso recatamento.

4 Comments:

Blogger Mike said...

"aplavras"????É por essas e por outras que a malta não comenta ponta de um corno...Não por estares sempre no Gerês, ou a comprar prendas a amigos imaginários, ou a fazer os inventários em farmácias alheias, em suma a arranjar desculpas esfarrapadas para não mexeres esse cú do sofá e ires beber uns copos com o pessoal!

7:33 da tarde  
Blogger sanches said...

eu sei q tás vivo pq continuas a "humilhar-me" nas setas lol

11:10 da tarde  
Blogger Mike said...

Triste teres de ir bater nos pobrezinhos, quando te vês impotente perante alguém com maior perícia do que tu! Eu mesmo assim ainda te deixo ganhar um ou outro jogo para ver se continuas a aparecer, mas o mais certo é acontecer como nos matrecos. Eras rei e senhor da mesa, até eu chegar, depois foi começar a ver-te cada vez menos na mesa até desapareceres de vez. Cheira-me que é o que vais fazer com as setas.

6:49 da tarde  
Blogger Vetoon said...

Enganado meu caro, espero só a chegada do nosso colega bloguista para, em conjunto, poder violar quem manda bocas foleiras como tu! Até já!

7:48 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home