domingo, julho 23, 2006

Vim de fé

Vim de fé. Como já tinha escrito foram curtas em demasia, foram quase quatro dias que souberam a quase quatro dias. Podiam ter sabido a menos, mas estupidamente ou talvez não, souberam exactamente àquilo que foram.
Foram acima de tudo curtas.
As fintas vacacionais impedem-me este ano de usufruir de melhor companhia, mas a melhor pode parecer a pior quando não está lá.
Anotações finais para os Motards da concentração de Faro (devo tê-los encontrado a todos), para a atenção que tem que se exercer no conferimento de facturas de restaurantes algarvios, para os 35 euros de gasoline que o meu carrito chupou de Armação até Alverca e para a ausência de telefonemas patronais durante todos os dias de descanço.
Como dormi cerca de 70 horas nestes 4 dias se não aparecer aqui frequentemente´é por razões laborais.

1 Comments:

Blogger bestusedcarrs said...

I'm impressed with your site, very nice graphics!
»

7:31 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home