sexta-feira, julho 14, 2006

Outro nível

Depois de uma semana deveras atribulada, escrevo para dar conta do que eu dei conta!
Esta semana passei 22 horas da minha semana a trabalhar na quinta do Lambert, que para quem não sabe, fica no Lumiar. Eu trabalho em Vialonga e a diferença para a quinta do Lambert é maior do que alguma vez imaginei.
O nível de vida permite que permite às pessoas do lumiar viver, permitiria às pessoas de Vialonga uma vida de putas e vinho verde, mas isto já não tem nada a ver com money, tem a ver com educação e formação cívica.
Senti-me a trabalhar numa clínica perto do primeiro mundo, onde não entram cães banhados a óleo queimado, nem abandonam animais à porta dentro de caixotes de papelão.
Alguns betos podem ser parvos, mas na generalidade conseguem acertar quase sempre nos tempos verbais, não dizem há-des, prontos ou desbaratizante ou até desparatisar. Além disso cheiram melhor e os cães são mais giros e são consideravelmente mais bem educados.
Foi pouco, mas uma vez por outra convém ter a noção de que há um mundo que trata bem os bichos que têm e que principalmente tem dinheiro para os tratar, só para não desmoralizar muito.
Os cães são iguais, mas uns têm vida de cão e outros não...

4 Comments:

Blogger elisabete said...

Há cada coisa...vivo em Vialonga, tenho uma cadela que é tratada como uma princesa, e nas férias vou até Madrid. LOL
Admiro os veterinários, acho que o papel deles é muito importante numa sociedade que infelizmente não respeita os animais. Espero que esse negativismo passe,pois o Mundo não é perfeito, mas se cada um de nós fizer um bocadinho, já fará a diferença. Até um dia destes.

2:54 da tarde  
Blogger Elisabete said...

Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

9:40 da manhã  
Blogger Elisabete said...

Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

9:48 da manhã  
Blogger Elisabete said...

Há cada coisa...vivo em Vialonga, tenho uma cadela que é tratada como uma princesa, e nas férias vou até Madrid. LOL
Admiro os veterinários, acho que o papel deles é muito importante numa sociedade que infelizmente não respeita os animais. Espero que esse negativismo passe,pois o Mundo não é perfeito, mas se cada um de nós fizer um bocadinho, já fará a diferença. Até um dia destes.

5:21 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home