quarta-feira, maio 03, 2006

Como acabar umas boas férias

Como grande parte da população deste país de gente trabalhadora, tirei alguns dias de férias na semana passada, aproveitando a benesse de dois feriados estratégicamente colocados e enviei-me para o Algarve. O tampo ajudou e parecia practicamente Agosto.
Passei por lá alguns dias dos mais agradáveis que este ano de 2006 já me conseguiu dar, mas consegui estragar isto tudo na viagem de regresso.
Um dos poucos amigos que tenho resolveu mudar de morada e agora é um feliz arendatário de uma casa em Rio de Mouro e resolveu marcar uma jantarada para inaugurar a casa às 19:30 de segunda-feira, dia 1 de Maio.
Eu pensava que em condições normais bastaria sair de Albufeira por volta das 17:30 e chegaria um pouco atrasado, mas dentro do razoável, qual não foi o meu espanto quando o algarve em peso decidiu ser esvaziado à mesma hora a que eu saí. Ainda hoje estou para saber como é que demorei 1h:15m a fazer os 42Km que ligam as estações de serviço de Grândola a Álcacer e como é que tão depressa conseguia andar a 90K/h, como ficava uns 20min estacado. Isto tudo acompanhado de ligeiras desavenças com a companhia do costume, fez com que a viagem fosse o antipoda da perfeição
Consegui chegar ao jantar em perfeita alucinação, a raiar a demência misturada com raiva...eram 21:30.
Obrigado por terem esperado por nós para jantar, eu não teria esperado!

3 Comments:

Blogger sanches said...

mas ainha chegaste bem a tempo de uma bela jantarada ;) que não seria a mesma sem ti e sem a tua farmaceutica favorita

11:08 da tarde  
Blogger Mike said...

Então, amputaste as mãozinhas? Já não sabes escrever, ou o aumento salarial veio acompanhado de um aumento de carga laboral? Será que agora que estás no clube dos 300 e tal contos já não falas aos do clube dos 200?

7:48 da manhã  
Blogger Bruno Branco said...

"eu não teria esperado"??? Claro...por isso é que és pouco sociavel!!! LOL...uma grande abraço...

10:05 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home