terça-feira, novembro 07, 2006

Não acerta uma...

O Benfica é o clube do povo, dizem os elitistas. Mas em 10 milhões, ter só 6 milhões de povo, acho que é pouco. Porém, como se consegue comprovar há alguns nesses todos que estão claramente a mais. O orgulho de ser benfiquista pode ser exacerbado a limites trágico-cómicos, podem chorar agarrados aos cachecois, podem arrancar cadeiras dos estádios, podem chegar a casa e desancar à bardafada no mulherio, podem até usar meias brancas com raquetes de ténis e ter bigodes farfalhudos que se afogam em imperiais atrás de imperiais, ou ir almoçar aos sábados ao Barbas, ou então não saber o que se anda a fazer na vida. O Benfica é paixão? Para alguns será! Para outros será doença, para outros o enterrar de frutrações, para outros uma bela razão para fazer boas figuras na televisão. Para mim o Benfica seria bem melhor se tivesse outra família. As famílias grandes dão sempre chatices e é fácil de ver que há maior possibilidade de ter aberrações. Porque é que não temos membros da família como estes?

2 Comments:

Blogger cl said...

Boas

Por acaso dei com o seu post sobre a peça Hamlet na Quinta da Regaleira. deixei-lhe um comentário ao que refere.
Um grande bem haja

Deixo aqui o link para que seja mais fácil encontrar o post em questão.
http://www.blogger.com/comment.g?blogID=23622083&postID=115438823265897310

6:34 da manhã  
Blogger Vetoon said...

Ainda bem que perceberam que a peça, o ambiente e o público mereciam melhores desempenhos

12:21 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home